14.7 C
Lisbon
27 de January, 2020
Fito-Notícias

FAO anuncia índice de preços dos alimentos com valor alto desde outubro

O índice de preços de alimentos da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), que mede as mudanças mensais de uma cesta de cereais, oleaginosas, laticínios, carne e açúcar, alcançou uma média de 176,2 pontos no mês de maio, o valor médio mais alto desde outubro de 2017.

O contínuo aumento da cotação dos preços dos produtos lácteos e dos cereais é a principal razão, segundo a FAO, para o índice de maio. Em sentido contrário estão o óleo e o açúcar, com contínuas quedas dos preços a nível mundial.

Relativamente à produção de trigo, a FAO prevê que chegue às 754,1 milhões de toneladas este ano, com a Argentina, o Canadá e os EUA no ranking dos maiores produtores. Já a produção global de cereais deverá somar 2,61 mil milhões de toneladas.

Ver mais informações aqui.

Posts relacionados

Azeite já representa 9% do valor da produção agrícola nacional

ANIPLA

Portugal será 3.º maior produtor mundial de azeite numa década

ANIPLA

Produção de maçã deverá ser a maior das últimas três décadas, segundo o INE

ANIPLA

Deixe um comentário



Utilizamos cookies para melhorar a experiência do utilizador, personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar tráfego nos websites. Partilhamos informações com os nossos parceiros de redes sociais, de publicidade e de análise, que as podem combinar com outras informações que lhes forneceu ou recolhidas por estes a partir da utilização daqueles serviços. Consente? Mais informações sobre cookies e processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Politica de Privacidade.

Aceitar Ler mais