12.8 C
Lisbon
19 de January, 2020
Fito-Notícias

1,35 milhões de euros para projetos na agricultura alimentar, floresta e ambiente

Até 1 de fevereiro de 2019, as Pequenas e Médias Empresas (PME), incluindo startups, de Portugal, França, Grécia, Itália e Irlanda que tiverem projetos inovadores na área da agricultura alimentar, floresta e ambiente podem submetê-los ao concurso DIVA.

A iniciativa, que resulta da parceria do INESC TEC e da INOVISA, é patrocinada com fundos comunitários (programa de investigação e inovação da União Europeia H2020) e prevê distribuir 1,35 milhões de euros.

Vão ser lançadas duas convocatórias para a captação de projetos e produtos inovadores. Cada convocatória deverá contar com cerca de três milhões de euros que serão distribuídos pelos candidatos selecionados através de vales de inovação que podem chegar aos 60 mil euros.

Em comunicado, a investigadora do Centro para a Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo do INESC TEC, Sara Neves refere: “O foco está em apoiar o desenvolvimento de novas tecnologias, big data, cloud computing, robótica, inteligência artificial, sistemas ciberfísicos, internet das coisas e componentes digitais/eletrónicos e fotónicos, plataformas digitais, porque trazem novas perspetivas de inovação à indústria agrofood, floresta e ambiente”.

  • Segundo o Jornal Económico, para o Coaching e Mentoring estão previstos vales até 10 mil euros, para financiar serviços de consultoria e assistência técnica especializada para aceleração do processo de inovação;

 

  • Para a maturação, vales até 10 mil euros, para financiar o amadurecimento tecnológico da PME através de assistência técnica especializada;

 

  • Para a demonstração, vales de 25 a 60 mil euros, que vão financiar a demonstração de soluções inovadoras em ambiente real ou em condições “quase reais”;

 

E para a internacionalização, vales até 30 mil euros, para financiar serviços de consultoria e assistência técnica especializada no processo de internacionalização, bem como a participação em feiras e eventos internacionais.

Posts relacionados

Azeite já representa 9% do valor da produção agrícola nacional

ANIPLA

Portugal será 3.º maior produtor mundial de azeite numa década

ANIPLA

Produção de maçã deverá ser a maior das últimas três décadas, segundo o INE

ANIPLA

Deixe um comentário



Utilizamos cookies para melhorar a experiência do utilizador, personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar tráfego nos websites. Partilhamos informações com os nossos parceiros de redes sociais, de publicidade e de análise, que as podem combinar com outras informações que lhes forneceu ou recolhidas por estes a partir da utilização daqueles serviços. Consente? Mais informações sobre cookies e processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Politica de Privacidade.

Aceitar Ler mais