Produtor Português em documentário europeu sobre eficiência na produção agrícola

O produtor agrícola português, José Palha, foi selecionado para integrar uma série de documentários breves sobre a produção agrícola europeia, realizados no âmbito da campanha “With or Without”, da European Crop Protection Association (ECPA).
Em Portugal a campanha é desenvolvida pela Anipla, Associação que integra a ECPA, e que lançou, no início deste ano, a campanha “Considere os Factos”. Esta campanha partilha os mesmos objetivos da campanha europeia, integrando especificidades do nosso mercado e da produção agrícola.

O produtor agrícola, que é também Presidente da Associação Nacional dos Produtores de Cereais, Oleaginosas e Protaginosas (ANPOC), recebeu a equipa de produção da ECPA, acompanhada pela Anipla, para apresentar a sua exploração agrícola, demonstrar a aplicação que faz da tecnologia e técnicas de eficiência agrícola, e ainda para comentar o tema dos mitos em torno da produção agrícola moderna.

Durante um dia de filmagens, José Palha apresentou a sua exploração agrícola, cuja atividade está assente em moderna tecnologia e agricultura de precisão que permitem aumentar o rendimento e a qualidade das culturas. O vídeo, com uma duração aproximada de 3 minutos, apresenta também, no âmbito da campanha internacional em que se insere, espaço para a partilha das preocupações e receios de José Palha, enquanto produtor agrícola, perante um ataque público dos últimos anos à tecnologia e ciência disponíveis para fazer face aos problemas das culturas. Este ataque, intensificado pelo afastamento da população urbana da realidade agrícola, parece ignorar a necessidade de se manterem níveis de produção elevados, a preços acessíveis, para satisfazer necessidade de alimentos de uma população mundial em crescimento.

O meu verdadeiro objetivo e o fator que está sempre presente, é a forma como posso proteger o ambiente. O solo é meu capital.”, refere José Palha no âmbito das gravações. Quando questionado sobre a utilização de fitofármacos, referiu que a sua aplicação é segura e importante, e que os produtos são aplicados “apenas e quando e onde a nossa cultura mostra que eles são realmente necessários”.

Sobre o convite para participar nestes vídeos europeus, partilhou, “Quando me foi feito o convite fiquei muito satisfeito pelo reconhecimento do trabalho da nossa exploração, e estou consciente de que é preciso falarmos abertamente sobre os assuntos, com vista a poder esclarecer mitos que em nada facilitam a nossa atividade”.

A sua exploração agrícola está localizada a 30 km de Lisboa, inserida na área protegida do estuário do Tejo, o que confere, partilha, ”uma responsabilidade acrescida na preservação desta biodiversidade”. A exploração está ligada à produção, entre outros, de produtos como ervilhas, milho, girassóis para óleos alimentares e trigo para pão e massas.

Os vídeos realizados estão previstos no plano de ações da campanha europeia “With or Without” e, até ao momento, já contaram com a participação de produtores agrícolas de países como Espanha, Inglaterra, Alemanha ou Dinamarca. Esta campanha, também em desenvolvimento em Portugal, tem vindo a dinamizar ações de grande impacto junto dos consumidores e do poder político europeu, com o objetivo de trazer mais ciência e dados factuais para as decisões tomadas em torno do sector agrícola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *